Loading...
Aug 15, 2018 Last Updated 1:24 PM, Aug 15, 2018

Estado e Ministério Público vão compartilhar dados

Publicado em Poder
Ler 99 vezes
Avalie este item
(0 votos)

CONVÊNIO O governo do Estado, através da Secretaria de Transportes, assinou, na quarta-feira (8), um convênio com o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) visando ao compartilhamento de dados e informações de interesse público, que serão disponibilizadas na plataforma MP em Mapas. A cerimônia, no Palácio Guanabara, contou com a presença do governador Luiz Fernando Pezão, do procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, e de autoridades de estado. “É muito importante estabelecer essa parceria com o Ministério Público visando ao compartilhamento de dados e informações. É mais um convênio que estabelecemos com o MP - já fizemos com a Educação, Saúde e Detran, disponibilizando todas as informações, e agora com Transportes. É fundamental ter a maior transparência possível, porque acredito que é o que todo cidadão desej”, afirmou o governador.

O documento, cuja duração inicial será de 60 meses, foi assinado pelo governador Pezão, procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, e pelo secretário de Estado de Transportes, Rodrigo Vieira. “O objetivo principal é apresentar à sociedade os projetos e programas em execução na esfera governamental, com o auxílio da tecnologia, da metodologia e da capacidade analítica desenvolvida pelo MP”, ressaltou Rodrigo Vieira.

O convênio contará, ainda, com a interveniência do Centro de Tecnologia de Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro. Serão compartilhados dados referentes aos programas Bilhete Único Intermunicipal e Vale Social, bem como informações relativas à utilização dos modais de transporte público estaduais (metrô, trem, barcas, Bonde de Santa Teresa, ônibus e vans intermunicipais).

Essa medida visa ao estreitamento dos laços técnicos entre as instituições, que já atuam juntas no desenvolvimento da nova solução de bilhetagem eletrônica interoperável para os modais intermunicipais. Esse trabalho conjunto possibilita a construção de novas políticas públicas integradas e a otimização das já existentes, relacionadas ao setor de Transportes. “A ideia é compartilhar conhecimentos. Hoje, todos nós somos vistos o tempo todo. Então, é nesse sentido que temos que ter um olhar prospectivo, uma visão moderna, buscando atender a população da melhor maneira possível. Tenho certeza de que, em um futuro próximo, iremos colher esses resultados”, disse Eduardo Gussem.