Loading...
May 21, 2018 Last Updated 1:48 PM, May 18, 2018

Filho de miliciano é assassinado enquanto jogava bola em Inhoaíba  

Ruan era filho do miliciano Gão, um dos chefes da maior milícia do Rio, preso desde 2014 Ruan era filho do miliciano Gão, um dos chefes da maior milícia do Rio, preso desde 2014 FOTO REPRODUÇÃO
Publicado em Polícia
Ler 490 vezes
Avalie este item
(0 votos)

HOMICÍDIO Ruan da Silva Gomes, 24 anos, foi assassinado a tiros, na noite de terça-feira (8), quando jogava futebol com amigos em Inhoaíba. O rapaz é filho do ex-PM Marcos José de Lima Gomes, o Gão, um dos chefes da maior milícia do Rio, preso desde 2014. A Delegacia de Homicídios (DH) da Capital investiga o crime.

A morte do rapaz ocorreu numa quadra de campo sintético na Rua Adolfo Lemos, perto do Viaduto de Inhoaíba. De acordo com relatos de testemunhas, um homem que seria da Favela do Barbante, em Campo Grande, se aproximou da vítima e atirou pelas costas. Ruan foi socorrido por amigos e levado para o Hospital Municipal Rocha Faria. Ele morreu quando recebia os primeiros atendimentos. O corpo de Ruan seguiu para o Instituto Médico Legal (IML).

Em nota, a Polícia Civil informou que uma perícia foi realizada no local do crime e que tenta localizar testemunhas. “De acordo com informações da DH Capital foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias, materialidade e autoria do homicídio de Ruan da Silva Gomes, 24 anos, quando jogava futebol na Rua Adolfo Lemos, Inhoaíba. Perícia realizada. Diligências em andamento em busca de testemunhas e demais elementos que possam ajudar no esclarecimento do caso”.