Loading...
Jul 17, 2018 Last Updated 1:23 PM, Jul 17, 2018

Doações caem e estoques de sangue O e A estão em níveis críticos

OS HOSPITAIS públicos e privados precisam de, no mínimo, 70 doações por dia para atender a esta demanda com segurança OS HOSPITAIS públicos e privados precisam de, no mínimo, 70 doações por dia para atender a esta demanda com segurança FOTO REPRODUÇÃO
Publicado em Cotidiano
Ler 992 vezes
Avalie este item
(0 votos)

SOLIDARIEDADE EM FALTA- Considerados os tipos sanguíneos mais frequentes no Brasil, o A e O, presentes em 36% e 37% da população, respectivamente, estão em níveis críticos no Banco de Sangue Serum. Isso porque, de acordo com o captador na unidade, Alexandre Paladino, houve baixa nas doações em decorrência, principalmente, das férias. A demanda transfusional, porém, não acompanhou a queda. “A necessidade por bolsas de sangue de todos os tipos, principalmente destes, está alta, e o número de doações encontra-se abaixo do ideal para suprir nossos estoques. Precisamos com urgência de doadores”, afirma.

Aos que quiserem ajudar a mudar essa realidade, basta estar em boas condições de saúde e pesar mais de 50 quilos. Não é necessário fazer jejum, mas é preciso esperar 3 horas após o almoço ou a ingestão de alimentos gordurosos. No local, basta apresentar um documento oficial com foto e ter entre 16 e 69 anos (menores de idade precisam de autorização e estar acompanhados por um responsável). O voluntário não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação. Quem tiver feito tatuagem e/ou piercing recentemente, ou endoscopia e processos esdoscópicos, precisa aguardar 6 meses após o procedimento.

 

O Banco de Sangue Serum atua há mais de 24 anos em todo o estado do Rio de Janeiro, atendendo aos hospitais públicos e privados da região, e precisa de, no mínimo, 70 doações por dia para atender a esta demanda com segurança. O sangue coletado ajuda a salvar vidas de pacientes de 18 hospitais públicos e privados localizados nos municípios do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense. Para doar basta comparecer no Hospital da Ordem Terceira do Carmo, 3º andar, na rua do Riachuelo, n° 43, no Centro do Rio de Janeiro – próximo aos Arcos da Lapa. O horário é de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e aos sábados, das 8h às 12h.