Dec 15, 2017 Last Updated 11:39 AM, Dec 14, 2017

Destaques

Fórum do Meio Ambiente de Itag…

FÓRUM - O Conselho Municipal de Agricultura e Pesca de Itaguaí realiza, na próxi...

Projeto agroecológico e de agr…

NOVO NÚCLEO- Os trabalhadores rurais da região, que atuam no regimente de produç...

Sepetiba Tecon bate recorde e …

Novembro registra desempenho classificado como melhor resultado mensal do termin...

Reunião define ações da operação “SOS Costa Verde” Destaque

Publicado em Cotidiano
Ler 658 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Fiscalizações visam combater o transporte irregular de passageiros e o turismo desordenado na região

FISCALIZAÇÃO Autoridades responsáveis pela operação “SOS Costa Verde”, se encontraram em Angra dos Reis, na sede da fundação de turismo da cidade, na quinta-feira (5), para definir as novas medidas que serão adotadas, visando o início do verão, além das ações em 2018.

  Desde o início deste ano, o Departamento de Transportes Rodoviários (Detro), juntamente com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar, atuam de forma intensificada, no combate ao transporte irregular de passageiros na região.

Segundo a assessoria de comunicação do Detro, a operação “SOS Costa Verde” faz parte do plano de Reordenamento da região, traçado pelas prefeituras de Mangaratiba, Angra dos Reis, Paraty e Itaguaí. Integram o projeto também, a Capitania dos Portos, Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro, além de associações de moradores da região. O objetivo do plano é evitar o turismo desordenado e poluição ambiental na Costa Verde. As fiscalizações de transportes terrestres acontecem nas principais vias de acesso aos municípios da região costeira.

Para o diretor técnico operacional do Detro, João Cassimiro, as ações realizadas até o momento, já apresentam um novo panorama na região. “Começamos as ações em fevereiro e notamos que o número de veículos “piratas” apreendidos, vem diminuindo progressivamente. Isso mostra que as fiscalizações têm coibido o transporte irregular de passageiros sem autorização do poder concedente. Esse tipo de transporte coloca a vida dos passageiros em risco, além de causar o desordenamento do trânsito. Essa reunião foi importante pois avaliamos o que já foi feito até o momento e definimos como serão as nossas ações até o fim do próximo verão”, explicou o diretor.

A população pode ajudar, denunciando veículos que realizam transporte intermunicipal de passageiros sem autorização do poder concedente, por meio do telefone da Ouvidoria do Detro (21) 3883-4141 ou do WhatsApp Fale Detro pelo número (21) 9-8596-8545. Para verificar as empresas e cooperativas autorizadas a realizar transporte de fretamento turístico intermunicipal, basta consultar o site do Detro (www.detro.rj.gov.br).

A REUNIÃO foi realizada na sede da fundação de turismo de Angra dos (FOTO DIVULGAÇÃO)

 

Última modificação em Quarta, 11 Outubro 2017 11:07